Educação

Secretário se reúne com Ministérios Públicos e Saúde para avaliar flexibilização na Educação Infantil

O secretário de Educação, Rodolfo Gaudêncio, participou de reunião de avaliação dos primeiros 20 dias de reabertura da unidades de Educação Infantil de Campina Grande. Desde o início do decreto nº  4.516, de 07 de outubro de 2020, que flexibilizou o retorno das atividade presenciais para aquele público escolar, 22 estabelecimentos já solicitaram testagem de mais de 550 colaboradores. 

De acordo com o secretário de Educação, Rodolfo Gaudêncio, o diálogo permanente é importante para oferecer parâmetros quanto a novas ações. “Reuniões de avaliação realizadas de forma permanente sobre o cenário epidemiológico são importantes para nortear nossas ações junto à comunidade escolar, ressaltando que para cada nova fase de flexibilização adotamos a consulta pública como ferramenta de apoio na tomada de decisões e democratizar o diálogo com as famílias e profissionais de Educação”, disse. 

Segundo ele, uma nova reunião será realizada ainda esta semana para discutir os critérios para uma futura flexibilização. “Como foi apresentado pelo diretor de Vigilância Epidemiológica, Miguel Dantas, temos hoje um cenário de redução no número de casos de atendimentos no hospital Pedro I, mas por enquanto não falamos em nova ampliação. Uma nova reunião será realizada com a Promotoria de Educação para definir outros encaminhamentos”, explicou. 

Entre a divulgação do decreto até a data da reunião, 553 colaboradores de estabelecimentos de ensino de Educação Básica foram testados e outras três instituições estão com testagem agendada.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo