Semas discute com MPT projeto de aprendizagem na socioeducação

O Ministério Público do Trabalho, realizou reunião para discutir a elaboração e implantação de um projeto de Aprendizagem para jovens que cumprem medida socioeducativa, e são atendidos pela Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas), através das unidades dos Centros de Referência Especializados em Assistência Social – CREAS. A reunião contou com a presença de Uelma Alexandre, da Diretoria da Proteção Social Especial que na ocasião representou a secretária da assistência social Eva Gouveia, os coordenadores dos CREAS do município, CIEE, VIJ, CREAS Lagoa Seca, Lar do Garoto, Conselho Municipal de Direitos da Criança e do Adolescente e o Sistema “S”.

O projeto busca desenvolver ações e parcerias na profissionalização dos jovens, atores de ato infracional, que estão em cumprimento de medida socioeducativa, seja em LA (Liberdade Assistida) ou PSC (Prestação de Serviço a Comunidade), que são atendidos pelas três unidades dos CREAS em Campina Grande, bem como aqueles que estão em instituições de acolhimento, no cumprimento da medida.

A ideia é, desenvolver ações através de parcerias com o Sistema “S”, de ONGs e Escolas Técnicas, para ofertar a esses jovens qualificação profissional, por meio do programa de aprendizagem.

Muitas vezes esses adolescentes não possuem acesso à escola ou não concluíram os estudos, com essa qualificação irá possibilitar o acesso a profissionalização, consequentemente serem inseridos no mercado de trabalho formal.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *