sexta-feira, novembro 27, 2020
Home Educação Deputados participam de plenária contra cortes no orçamento

Deputados participam de plenária contra cortes no orçamento

Os deputados Buba Germano, Chió e Cida Ramos participaram de plenária pública, realizada no Centro de Vivência da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), Campus de João Pessoa, para debater a política de cortes do Governo Federal, no orçamento das Instituições de Ensino Superior (IES). A discussão reuniu alunos, professores e funcionários da UFPB.

Na plenária, em defesa das universidades, os deputados manifestaram o apoio da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) aos estudantes, professores e funcionários. Cida Ramos, que também é professora universitária, ressaltou a importância da representação da Casa de Epitácio Pessoa na causa estudantil e parabenizou a participação dos alunos.

“Em todas as cidades que passo, eu faço questão de dizer que sou professora da UFPB. Defender o ensino público de qualidade foi uma das minhas primeiras bandeiras de luta, desde o movimento estudantil. Eu tive o orgulho de presenciar o nosso Centro de Vivência vibrante e lotado, com os meus colegas professores, alunos e servidores unidos em defesa da universidade. Nós não vamos permitir que destruam a educação superior pública e de qualidade no Brasil. Eles não vão conseguir acabar com os sonhos dos nossos jovens”, disse a deputada.

Os parlamentares parabenizaram a ação, que reuniu também gestores, membros de colegiados e de entidades de classe, técnico-administrativos, em uma discussão democrática, plural e participativa. “Temos que unir força e dizer um não para esses que pensam que o poder é deles. Vamos debater em várias cidades do Estado e vamos resistir contra o desmonte das universidades. Defenderemos, em todas as instâncias cabíveis e por todos os meios pertinentes, o pleno funcionamento das universidades”, disse Buba Germano.

A manifestação aconteceu após o Ministério da Educação (MEC) anunciar cortes de 30% no repasse às universidades e institutos federais. A UFPB sofreu um corte de verbas no valor de R$ 44 milhões. Já a Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) terá R$ 27 milhões reduzidos do seu orçamento, enquanto o Instituto Federal da Paraíba (IFPB) perdeu R$ 20 milhões. “Participamos dessa grande manifestação que lotou o centro de vivência da Universidade Federal. O Governo quer fechar as instituições, mas, se depender da energia, da força e da luta dos alunos e professores, esses cortes não vão acontecer”, destacou Chió.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisment -

Most Popular

Programa Minha Árvore prossegue nas ruas da cidade

"Minha Árvore" é o Programa Sustentável de Educação Ambiental da Prefeitura de Campina Grande, executado por meio da Secretaria Municipal de Serviços...

Aprovado projeto de Márcio que cria o Programa de Prevenção à Exploração Sexual Infanto-Juvenil

O Poder Legislativo de Campina Grande aprovou o projeto de lei número 269, de autoria do vereador Márcio Melo Rodrigues (DC), que...

Pix começa a funcionar e órgão traz orientações

Começou a funcionar a partir de segunda-feira, 16, o Pix.  Um novo jeito de receber, pagar e transferir dinheiro, criado pelo Banco...

Procon faz balanço das ações do órgão nestes oito meses de pandemia

O coordenador executivo do Procon Campina Grande, Rivaldo Rodrigues, fez um balanço das ações executadas pelo órgão nesses meses de pandemia causada...

Recent Comments

John Doe on TieLabs White T-shirt